MULHERES COMEÇAM A ENGORDAR DEPOIS DOS 40

Dez anos antes da menopausa, por volta dos 40 anos, as hormonas reprodutivas femininas, progesterona e estrogénios, começam a sofrer uma variação e um decréscimo que ocorrem de forma discreta, que é imperceptível para a maioria das mulheres. De facto, o desequilíbrio na produção das hormonas femininas pelos ovários vai-se acentuando ao longo deste período de dez anos e os sintomas, semelhantes aos da famosa tensão pré-menstrual (TPM), também se vão acentuando e prolongando podendo, já próximo da menopausa, durar até quinze dias antes da menstruação.

Durante esta fase de pré-menopausa ocorre um conjunto de sinais e sintomas característicos da redução da progesterona, dos quais destaco a diminuição do metabolismo e o aumento da retenção de líquidos, por contribuírem para o acréscimo de peso e de gordura abdominal de que se queixam muitas mulheres. 

A partir dos 40 anos as necessidades calóricas começam a diminuir pelo que facilmente se percebe que os cuidados com a alimentação devem ser redobrados.

É inevitável reduzir a ingestão dos alimentos mais energéticos, como o açúcar, doces, bolos, pão, bolachas, massa, arroz branco e batata e substituí-los pelos que fornecem carboidratos mais complexos como cereais integrais, leguminosas, legumes e frutos oleaginosos (nozes, avelãs, amêndoas, etc.).

O peixe, a carne ou os ovos devem ser mantidos nas duas principais refeições, mas é importante começar a dar mais atenção aos peixes gordos por serem boas fontes de vitamina D e de gordura polinsaturada, ajudando a prevenir a osteoporose, as doenças cardiovasculares e a depressão.

Para manter os ossos fortes, devem ser ingeridas duas porções de lacticínios pouco gordos e pouco doces. Chamo a atenção para os iogurtes adoçados, que têm quantidades elevadíssimas de açúcar. A melhor opção são os iogurtes naturais, aos quais se pode adicionar um pouco de açúcar, ou queijinho fresco de 80 g que substitui o iogurte ao lanche. Aconselho a leitura dos rótulos.

Poucas gorduras e pouco sal.

Fruta e água, três peças e um litro e meio por dia, respectivamente.

Lembro que basta um excesso diário de 200 calorias para conquistar um aumento de 10 kg no peso ao final de um ano.

Mulheres que desejam manter o seu peso depois dos 40 anos, além de comer menos, precisam de queimar calorias por meio da actividade física. Praticar pelo menos 30 minutos diariamente garante um bom tónus muscular e ossos fortes, contrariando o processo de envelhecimento.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas