quarta-feira, 23 de abril de 2014

Salada de feijão preto e pimento com coentros

Com os dias grandes e, às vezes, com sol começam a apetecer as saladas. Descobri esta receita aqui. Parece muito prática para levar para o almoço no serviço.

INGREDIENTES
1 lata de feijão preto bem lavado e escorrido
1 pimento vermelho picado
1 pimento amarelo picado
1/2 cebola vermelha picada
1 ramo de coentros
  

quarta-feira, 16 de abril de 2014

Dieta detox responsável pela morte de Peaches Geldof?

A modelo inglesa Peaches Geldof, que recentemente tinha confessado ser viciada em sumos detox, morreu subitamente aos 25 anos. Ao que parece, a filha de Bob Geldof, tinha aderido a uma dieta detox, rotulada de juicing, em que bebia apenas sumos três vezes ao dia. Este regime promete uma perda rápida de peso, mas é perigoso emagrecer assim.

Tenho recomendado aqui e no consultório sumos detox e, eu própria, sou uma adepta porque os considero boas fontes de vitaminas, fibras, minerais e fitoquímicos, com propriedades antioxidantes e promotoras de saúde. Recomendo os sumos detox como substituição do pequeno-almoço ou do lanche tradicionais, mas nunca do almoço ou do jantar. Nestas refeições fazem falta as fontes de proteína e gordura como a carne, peixe, ovos ou leguminosas e o tradicional azeite ou outras gorduras.

Dietas demasiado restritivas como a que alegadamente estaria a fazer a Peaches são totalmente desaconselhadas. Fazer um dia ou dois deste tipo de jejum não fará mal, mas prolongá-la por um mês traz consequências gravíssimas para a saúde. Para perder peso sem riscos, é melhor pedir a ajuda de um nutricionista.

Ataque cardíaco foi uma das hipóteses levantadas como causa da morte da Peaches, mas a autópsia foi inconclusiva.

segunda-feira, 14 de abril de 2014

O MEU SUMO VERDE DETOX

Alguns leitores pediram para partilhar as minhas receitas de sumos detox. Começo com o sumo verde:

Receita (para duas pessoas)
1 laranja
1 maçã
1 folha média de couve portuguesa (a de caldo verde)
1 raminho de hortelã
sumo de meio limão
1 copo de água gelada

Colocar a laranja descascada, a maçã com casca, mas sem caroços, a couve e a hortelã tudo partido em pedaços no copo misturador (pode usar-se a varinha mágica em substituição). Adicionar o sumo de limão e a água e triturar tudo durante três a quatro minutos. Desligar e servir. O sumo verde está pronto!

quarta-feira, 9 de abril de 2014

SETE REGRAS PARA FAZER SUMOS DETOX

Os sumos, ou melhor, os batidos "detox" estão na moda. Misturam-se frutas, folhas verdes, raízes, ervas aromáticas, sementes, cereais e especiarias em combinações que podem ser infinitas com o objectivo de desintoxicar o organismo. De facto, estas bebidas facilitam a eliminação de toxinas pela urina e fezes porque favorecem a diurese e o trânsito intestinal. Por outro lado são uma boa forma de manter a hidratação, principalmente para os que não gostam de beber água.

Quando o objectivo é ganhar saúde e, atendendo ao número infinito de combinações possíveis entre os vários ingredientes, é melhor conhecer algumas regras de preparação dos batidos detox para que do ponto de vista nutricional possamos tirar o melhor partido deles. É importante saber, por exemplo, que as folhas verdes de alguns legumes quando consumidas cruas podem provocar desconforto intestinal. As folhas de couve que comemos habitualmente na sopa, são bem toleradas pela maioria das pessoas porque a cozedura suaviza a sua textura e facilita a digestão.
Deixo-vos, então, com sete regras para se iniciarem nos batidos detox:

1-As folhas verdes a utilizar no início deverão ser de alface, espinafre, endívia, salsa ou coentros. As folhas de couve muito interessantes do ponto de vista nutricional porque ricas em cálcio, vitaminas A,C e K e muitos minerais como o cobre, potássio, ferro e fósforo, devem ser introduzidas mais tarde;

2-Não juntar mais do que duas peças de fruta para que não haja excesso de açúcar;

3-Evitar a adição de açúcar. A fruta contém-no em quantidade suficiente;

4-Os líquidos mais interessantes para adicionar são água, infusões ou água de côco;

5-As receitas que contêm leite ou iogurte natural, não devem conter folhas de espinafre nem de outros vegetais ricos em ferro, pois os lacticínios comprometem o aproveitamento deste mineral pelo nosso organismo;

6-As frutas ricas em vitamina C, como os citrinos ou o kiwi, têm vantagem em ser misturadas com os lacticínios, pois esta vitamina favorece a assimilação do cálcio;

7-Os sumos detox podem ser ingeridos ao pequeno-almoço e ao lanche como substituto das refeições tradicionais de pão e leite. Esta regra pode dar uma ajuda para perder alguns quilos que estejam a mais.