CINCO PASSOS PARA MELHORAR A SUA SAÚDE


A edição deste mês da revista científica The American Journal of Medicine reuniu cinco novos estudos
que indicaram que pequenos passos nos nossos hábitos de vida, como tomar aspirina, comer mais peixe fresco e manter uma boa higiene oral, podem evitar problemas de saúde como obesidade, doenças cardiovasculares e mortalidade por cancro.

Veja quais são os cinco passos para melhorar a sua saúde:

1- Comer mais peixe fresco: uma porção de peixe fresco pelo menos duas vezes por semana diminui em 12% o risco de ter cancro colorrectal, em 21% o risco de cancro rectal e em 4% o cancro do cólon.

2- Tomar aspirina diariamente: Tomar baixas doses de aspirina (de 75 a 325 miligramas) por dia, além de prevenir doenças cardiovasculares, pode reduzir o risco de morte por cancro, após quatro anos de tratamento.

3- Manter uma boa higiene oral: Ir ao dentista de dois em dois anos fazer uma limpeza bucal reduz até 24% o risco de eventos cardiovasculares. As hipóteses de derrames cerebrais são reduzidas em 13%. O facto de a higiene oral diminuir os índices de inflamação pode ajudar a explicar estes benefícios.

4- Parar de fumar recorrendo a terapias alternativas: Abordagens alternativas que ajudam a parar de fumar são significativamente eficazes. Fumadores submetidos a sessões de hipnose têm 4,5 vezes mais hipóteses de abandonar o vício do que os que não optam por uma intervenção alternativa. Entre fumadores que fazem sessões de acupuntura, essa hipótese é 3,5 vezes maior. É possível que a acupuntura estimule pontos localizados na orelha que bloqueiam sintomas da abstinência, ou que a hipnose ajude o paciente a lidar com a falta de cigarros.

5- Frequentar programas de perda de peso nos Cuidados de Saúde Primários: Simples orientações sobre dietas e exercício físico feitas nos Centros de Saúde, podem ser tão eficazes para ajudar obesos a perder peso moderadamente quanto clínicas de emagrecimento. Essas duas abordagens, por meio de mudanças alimentares e comportamentais, por exemplo, ajudam os pacientes a reduzirem, em média, 11% do peso corporal em 12 semanas.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas