A OBESIDADE PODE CAUSAR DOR?

Um novo estudo realizado na Universidade de Stony Brook, Estados Unidos, mostrou que pessoas obesas ou com sobrepeso sentem mais dores do que que as pessoas com peso baixo ou normal. A pesquisa, publicada recentemente na versão online da revista médica Obesity, analisou dados de mais de um milhão de americanos com base em entrevistas feitas por telefone entre 2008 e 2010. Os participantes responderam a perguntas sobre o peso e a altura, a partir dos quais foi calculado o índice d emassa corporal (IMC), sobre condições de dor no ano anterior sobre a experiência de dor no dia anterior. Apenas 19,2% da amostra foi classificada como de baixo peso ou peso normal, 21,4% foi classificada como de sobrepeso, e a restante parte da amostra foi classificada nas três categorias de obesos de acordo com os parâmetros estabelecidos pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Obesos grau I são aqueles com IMC de 30 a 34,99 kg/m^2; de grau II de 35 a 39,99, e de grau III os que apresentam um IMC maior do que 40.

Resultados:
Na comparação com indivíduos com peso baixo ou normal, pessoas com sobrepeso ou obesidade mostraram sentir 20% mais dores. Esse número aumentou quando foram comparadas pessoas de peso baixo ou normal somente com obesos. Pessoas com obesidade grau I sentiam 68% mais dores; de grau II, 136%; e de grau III, 254%.

Os pesquisadores observaram que as maiores dores foram sentidas por pessoas com doenças que provocam dor corporal. No entanto, mesmo após essas doenças terem sido controladas, os indivíduos mais pesados continuavam a sentir dores. "Esta descoberta sugere que, além da presença de doenças dolorosas, a obesidade por si só pode causar dor", diz Joan E. Broderick, umas das autoras do estudo.

Outra conclusão é que as dores sentidas por pessoas obesas ou com sobrepeso aumentam à medida que elas ficam mais velhas. Os autores explicam que a relação entre dor e obesidade pode ser devido ao facto de a gordura corporal desencadear processos fisiológicos que geram inflamação e dor. Outras condições médicas que causam dor, como artrite, fazem com que o indivíduo pratique menos exercício e, consequentemente, ganhe mais peso.

Os autores reforçam a importância de mais investigações sobre as causas metabólicas da dor, bem como a necessidade de estudos mais profundos sobre a obesidade.

Referência
Stone,A.A., Broderick, J.E. Obesity and Pain Are Associated in the United States. Obesity (19 January 2012) doi:10.1038/oby.2011.397

Fonte
http://www.nature.com/oby/journal/vaop/ncurrent/full/oby2011397a.html

Imagem
http://www.scientificamerican.com
Postar um comentário

Postagens mais visitadas