Pular para o conteúdo principal

Ovos têm compostos antioxidantes que previnem o cancro e as doenças cardiovasculares


Investigadores da Universidade de Alberta, nos Estados Unidos, descobriram recentemente que as gemas de ovos crus contêm dois aminoácidos, o triptofano e a tirosina, com fortes propriedades antioxidantes que ajudam na prevenção do cancro e das doenças cardiovasculares. O estudo,, liderado por Jianping Wu e Andreas Schieber, analisou as gemas de ovos produzidos por galinhas alimentadas com uma dieta típica, composta por milho. Verificaram, no entanto, que os ovos fritos ou cozidos, ficam com estas propriedades antioxidantes reduzidas a metade e perdem ainda mais se os ovos forem cozidos no microondas. "É uma grande redução, mas ainda assim deixa os ovos iguais às maçãs quanto ao seu valor antioxidante", observou Wu, em comunicado. O estudo foi publicado na revista “Food Chemistry”.

Num estudo anterior, do qual demos conta neste blog, Wu verificou que as proteínas do ovo são convertidas, pelas enzimas do estômago e do intestino delgado, em peptídeos que agem da mesma forma que os inibidores da enzima de conversão da angiotensina, isto é, agem do mesmo modo que os fármacos usados para baixar a pressão arterial.

Outro post que mostra que os ovos não são vilões, nem  relativamente ao colesterol, nem à hipertensão, nem às doenças cardiovasculares pode ser lido aqui.

Aproveito para lembrar que em época de crise, com o preço dos alimentos a aumentar e com os vencimentos a diminuir, os ovos são uma alternativa ao peixe e à carne que, nalguns casos, é muito mais barata. São óptimos tanto para crianças como para adultos.

Que saudades das gemadas que a minha avó me fazia!...

English version
Eggs Antioxidant Compounds May Help Prevent Cancer and Heart Disease

Researchers at the University of Alberta, USA, recently discovered that egg yolks contained two amino acids, tryptophan and tyrosine, which have high antioxidant properties which helps in the prevention of cancer and cardiovascular disease. The study, led by Jianping Wu and Andreas Schieber, examined eggs yolks produced by hens fed typical diet consists of either primarily wheat or corn. After analyzing the properties, the researchers determined that two egg yolks in their raw state have almost twice as many antioxidant properties as an apple. However, when the eggs were fried or boiled, antioxidant properties were reduced by about half, and a little more than half if the eggs were cooked in a microwave.

It's a big reduction but it still leaves eggs equal to apples in their antioxidant value," said Wu. The findings were published in the peer-reviewed journal Food Chemistry.

In previous research, Wu found that egg proteins were converted by enzymes in the stomach and small intestines and produced peptides that act the same way as ACE (angiotensin converting enzyme) inhibitors, prescriptions drugs that are used to lower high blood pressure. That finding defied common wisdom and contradicted the public perception that eggs increased high blood pressure because of their high cholesterol content.

Take this opportunity to remember that, in times of crisis, with food prices rising and falling salaries, eggs are an alternative to fish and meat, which, in some cases, is much cheaper. They are great for both children and adults.

I am missing the eggnog that my grandmother made ​​to me!...

Referência:
Chamila Nimalaratne, Daise Lopes-Lutz, Andreas Schieber, Jianping Wu. Free aromatic amino acids in egg yolk show antioxidant properties. Food Chemistry, 2011; 129 (1): 155 DOI
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Leite sem lactose não é para diabéticos

Ontem de tarde, durante a consulta de atendimento a diabéticos, um dos utentes pôs-me a questão se o leite sem lactose seria o melhor para os diabéticos. A dúvida faz todo o sentido uma vez que a lactose é o açúcar natural do leite. No entanto, este leite foi criado para pessoas intolerantes à lactose, que não digerem bem o leite por deficiente produção de lactase, a enzima necessária ao desdobramento da lactose.

Então porque é que é que o leite com 0% lactose não é bom para diabéticos?

A lactose é um hidrato de carbono complexo (dissacárido) formada por duas moléculas de hidratos de carbono simples, a glicose e a galactose (monossacáridos). O leite com 0% lactose não tem, de facto lactose, mas tem os seus constituintes, a glicose e a galactose, que são açúcares simples que fazem subir a glicémia (glicose no sangue) mais facilmente. Quem prova este leite não tem dúvidas: ele é mais doce e foi por isso que o referido doente estranhou e me apareceu com o pacote de leite sem lactose na mão…

COUVE LOMBARDA SALTEADA

Ontem para o jantar fiz couve lombarda salteada com bifinhos de peru grelhados.  É um prato super fácil de fazer que se prepara em 15 minutos.

INGREDIENTES (para quatro pessoas)
Meia couve lombarda
1 cenoura
2 colheres de sopa de azeite
2 dentes de alho
sal marinho q.b.

Depois de lavar a couve, corte-a em juliana. Descasque e rale a cenoura. 
Numa frigideira coloque o azeite e os alhos picados até estes começarem a fritar. Junte a couve, a cenoura e um pouco de sal. Deixe cozinhar cerca de oito minutos mexendo com frequência (se gostar da couve mais cozida deixe cozinhar mais tempo). Está pronto! 

Acompanhei com bifinhos de peru grelhados, temperados com pimenta, pouquíssimo sal, mas com muito sumo de limão. 

Esta couve também fica bem a acompanhar qualquer tipo de peixe.
Experimentem!

O segredo de cozinhar bróculos verdes e nutritivos

Do livro "A cozinha é um laboratório" (Fonte da Palavra, 2009) transcrevo alguns conselhos para bem cozinhar os brócolos evitando, dentro do possível, perdas de nutrientes e o desenvolvimento de cores e aromas indesejáveis: "Corte-os apenas na altura de serem introduzidos na água quente. Além de os cortar em pedaços, dê um golpe longitudinal nos pedúnculos. Estes cortes têm como objectivo acelerar a cozedura, dado aumentarem a área de exposição à água quente. Adicione os brócolos à água a ferver, com o lume no máximo. Para minimizar a perda de nutrientes e ter a melhor cor final, não use muita água, nem pouca... no meio é que está a virtude! Deixe o recipiente destapado nos primeiros minutos. Cozinhe-os durante apenas cerca de 5 minutos (ficam mais estaladiços e com uma cor mais bonita). Se não os for consumir logo, passe-os por água muito fria mal sejam tirados do lume, para parar todo o processo. Como melhor alternativa, coza os brócolos em vapor. O resultado será ainda melh…