BOAS FESTAS


Natal é tempo de festa e devemos vivê-lo em família e de acordo com a nossa tradição gastronómica. À mesa não podem faltar alguns dos doces mais típicos que, na maiora dos casos, só se comem nesta época: rabanadas, filhoses, fritos de abóbora, velhoses, broínhas, aletria, arroz doce, mexidos, formigos, azevias, sonhos, cuscurões,... sem esquecer o bolo-rei. Defendo que os dias de festa são dias de fartura à mesa. Lembro que os excessos cometidos em dois ou três dias não são responsáveis pelo aumento significativo e sustentado do peso. Não se preocupe muito com a balança, nem pense em dietas. Aproveite o Natal!

Desejo a todos os visitantes e seguidores deste blogue umas BOAS FESTAS
1 comentário

Postagens mais visitadas