Bebés Amamentados Têm Menos Febre Após Vacinação

A amamentação protege os bebés da febre decorrente da vacinação, revela um estudo italiano publicado na revista “Pediatrics”.

Após a administração de uma vacina é comum a manifestação de sintomas tais como febre ligeira, perda de apetite e dor ou inflamação no local onde foi aplicada a vacina. Os bebés que recebem as vacinas durante o primeiro ano de vida apresentam sintomas leves e passageiros após a inoculação, mas entre 1 a 2% têm febre alta.

No estudo, da responsabilidade de Alfredo Pisacane, da Universidade de Nápoles Federico II, os cientistas verificaram que os bebés alimentados com leite materno respondem à vacinação de forma diferente dos alimentados com fórmulas infantis.

Segundo os cientistas, o leite materno tem a função antipirética dado que reduz a produção de proteínas inflamatórias que se libertam logo após a vacinação. O contacto com a pele da mãe também traz tranquilidade, fazendo com que os bebés, mesmo com febre, não percam tão facilmente o apetite.

Está a decorrer a "Semana Mundial Do Aleitamento Materno", 4 a 10 de Outubro de 2010, sob o tema "Apenas 10 passos - O caminho Amigo do Bebé" uma iniciativa conjunta da World Alliance for Breastfeeding Action da Organização Mundial da Saúde e, no nosso país, da Direcção Geral da Saúde.

Referência:
- Alfredo Pisacane, MDa, Paola Continisio, PhDa, Orsola Palma, RNb, Stefania Cataldo, RNa, Fabiola De Michele, MDb, Ugo Vairo, MDb. Breastfeeding and Risk for Fever After Immunization. Pediatrics Vol. 125 No. 6 June 2010, pp. e1448-e1452
Postar um comentário

Postagens mais visitadas