Medicina Anti-envelhecimento


Informação recebida da Organização do Congresso:

Realiza-se a 21 e 22 de Maio, no Hotel Miragem em Cascais, o "Third Annual Congress in the Iberian Peninsula on Anti-Aging Medicine and Biomedical Technologies" (link aqui).

Um dos eventos associado ao Congresso é um Serão com a participação especial de David Servan-Schreiber, autor do best-seller traduzido em português “AntiCancer: A New Way of Life” sobre prevenir e vencer o cancro, usando as nossas defesas naturais.

David Servan-Schreiber (na imagem) nasceu em França em 1961. Estudou e trabalhou nos Estados Unidos e no Canadá, onde foi um dos fundadores, e depois director, do Centro de Medicina Complementar da Universidade de Pittsburgh. Doutorado em Ciências Neurocognitivas pela Universidade Carnegie Mellon, sob orientação de Herbert Simon, pai da inteligência artificial e Nobel de Economia, e de James McClelland, pioneiro da teoria das redes neuronais, David Servan-Schreiber viu-se confrontado com um diagnóstico de cancro. A luta pessoal contra a doença mudou a sua vida para sempre. Hoje partilha essa notável experiência e conhecimento nas suas obras e conferências. Seguro de que somos responsáveis pela nossa própria saúde e processo de cura, David Servan-Schreiber é convidado do 3º Congresso Anual Ibérico de Medicina Anti-Envelhecimento e Tecnologias Biomédicas, onde vai falar da sua experiência e mostrar de que modo as técnicas e instrumentos anti-envelhecimento, como a dieta alimentar ou o estilo de vida, são poderosas e eficazes armas contra a doença.

Um outro convidado do congresso falará sobre o potencial da Dieta do Paleolítico na prevenção e tratamento do excesso de peso, diabetes e doenças cardiovasculares. O autor da recente obra, “Food and Western Disease”, o investigador Staffan Lindeberg apresenta no 3º Congresso Anual da Península Ibérica de Medicina Anti-Envelhecimento o conceito de dieta do Paleolítico (dieta da Idade da Pedra) enquanto regime alimentar capaz de prevenir o excesso de peso, diabetes e doenças cardiovasculares.

Staffan Lindeberg é Professor Associado no Departamento de Medicina da Universidade de Lund, Suécia. Durante a sua formação em Medicina Geral e Familiar interessou-se pelos aspectos evolutivos da alimentação. Na passada década de 90, dedicou-se ao estudo da população nativa de Kitava, nas Ilhas Trobriand em Papua Nova Guiné, Pacífico Ocidental, a qual não sofre de AVC, doença coronária, diabetes, excesso de peso ou hipertensão. O estudo permitiu constatar que a dieta Kitavan tem a capacidade de proporcionar um estado de saúde notável. Como muitos outros grupos não industriais, os Kitavans comem alimentos inteiros, naturais, amplamente consistentes com a dieta dos nossos ancestrais. Em contrapartida, somente nas populações ocidentais, o envelhecimento é predominantemente acompanhado pelo aumento de peso e da pressão arterial, bem como de várias outras alterações.

Staffan Lindeberg descobriu no passado importantes pistas para a resolução de alguns dos problemas de saúde mais actuais, associados ao envelhecimento: a incidência de doenças cardiovasculares, hipertensão, diabetes, excesso de peso.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas